Header Ads

Bárbara Bandeira quebra o silêncio sobre morte trágica de Sara Carreira


Bárbara Bandeira quebrou o silêncio e tornou públicas as suas primeiras palavras sobre a morte de Sara Carreira.

E assim te tiraram de mim, de nós. E assim todas as palavras que eu podia ter dito se resumem ao impossível. E assim as respostas para as minhas perguntas não chegam, nem as tuas. E assim os planos passam a ser só uma fração de memória de tudo o que foi e querias que tivesse sido”, começa por escrever Bárbara Bandeira.

E assim me resumo à tua vontade, tentando ser o que querias que eu fosse. E assim tento cuidar dos teus, do teu, primeiro e último amor. E assim o amor dele vê-se arrancado como se de um espinho se tratasse. E assim me correm as lágrimas pela cara de tanto me lembrar de ti, do quão bonita és. E assim me nego a dizer que eras. E assim digo que te amo, que te amei e que te vou amar até que o meu último suspiro me leve ao teu encontro“, concluiu a jovem cantora.

De referir que Bárbara Bandeira foi uma das primeiras pessoas a chegar ao hospital de Santarém.

O Range Rover Evoque de Sara Carreira, conduzido por Ivo Lucas, de 30 anos, namorado da filha de Tony Carreira, bateu numa das quatro viaturas envolvidas e captou na A1 durante cerca de 100 metros, vindo ainda a ser atingido por um Fiat Palio que se incendiou. O óbito de Sara Carreira foi declarado pelo INEM e o corpo levado para o Hospital de Santarém.

O cantor permanece internado no hospital, mas já fora de perigo de vida.

Com tecnologia do Blogger.